black-friday-e-cyber-monday

Black Friday e Cyber Monday: como aproveitar os descontos, sem armadilhas

Já é costume em várias partes do mundo – e claro, também no Brasil – que consumidores, empresários e lojistas aguardem ansiosos pela data mais movimentada para o comércio no ano: a Black Friday. E não é para menos. Com o objetivo de aquecer o mercado e facilitar as compras de fim de ano, a ocasião incentiva as queimas de estoque e, com isso, são oferecidos preços mais acessíveis, boas condições de pagamento e de frete.

Além da Black Friday, os clientes ainda têm mais uma oportunidade para garantir as ofertas a preços, muitas vezes, ainda mais baixos, na Cyber Monday. Continue a leitura e veja o que são as duas datas, como não cair em ciladas e quais são seus direitos enquanto consumidor.

O que é Black Friday?

A Black Friday é uma data criada nos Estados Unidos para dar início à temporada de compras de Natal, com condições especiais.

A princípio, foi pensada para se tratar de apenas um dia de ofertas: a última sexta-feira do mês de novembro, logo após o feriado norte-americano de Ação de Graças. Mas, sobretudo entre os brasileiros, a temporada foi estendida e já é comum conferir promoções desde o início do mês de novembro.

Em 2020, a Black Friday acontece no dia 27 de novembro e a projeção é que, neste ano, o e-commerce seja o principal foco, devido à pandemia do coronavírus. Estimativas da Ebit Nielsen mostram que as vendas online devem crescer 27% em relação à Black Friday 2019.

O que é Cyber Monday?

Já ouviu falar em Cyber Monday? Se você é fã de tecnologia, esta pode ser a data ideal para fazer suas compras. A segunda-feira cibernética acontece logo após a Black Friday e, em 2020, será no dia 30 de novembro.

A ideia da data é dar mais uma chance àquelas pessoas que não conseguiram fazer suas compras na sexta-feira, por algum motivo. Trata-se de um “super saldão” com o restante do estoque das lojas, principalmente no segmento de eletrônicos, como TV, eletrodomésticos, celulares, computadores, videogames e outros.

Aguardar um pouco até esta data pode ser interessante, uma vez que, de acordo com a plataforma Promobit, os produtos mais buscados nesta época são smartphones (22% de intenção de compra), televisores e notebooks.

Black Fraude? Quais cuidados tomar para se dar bem nas compras

Seja na Black Friday ou na Cyber Monday, é importante ficar atento para não cair em promoções enganosas (infelizmente, uma prática comum) ou até gastar mais do que você pode. Por mais que as ofertas sejam tentadoras, não vale a pena se endividar e ter dificuldades de pagar suas contas depois.

Por isso, veja algumas dicas para não cair na “Black Fraude” e para manter sua saúde financeira nesta época do ano:

1. Planeje-se antes

Antes de sair pelas lojas em busca de produtos em liquidação, você precisa entender quanto dinheiro tem para gastar. Para isso, fazer seu planejamento financeiro pessoal e mantê-lo atualizado é fundamental.

Em uma planilha ou aplicativo especializado, insira seus gastos no mês e ganhos (como salário, rendimentos de investimentos, aluguéis e outras fontes de receita). Se possível, faça esse planejamento dos últimos três meses, para que você possa projetar quanto terá para gastar nas promoções da Black Friday. Ter controle sobre seus gastos é a melhor forma de não ficar endividado futuramente.

2. Pesquise os preços antecipadamente

Para evitar as armadilhas da Black Friday, o mais importante é saber o que você precisa e deseja comprar e ter consciência de quanto eles custam efetivamente.

Para isso, antes do mês de novembro (ou pelo menos na primeira quinzena do mês) faça uma lista com os produtos que você tem interesse. Em seguida, faça uma pesquisa em lojas online que vendam o produto e anote o preço naquele momento.

Assim, quando a Black Friday for anunciada, você saberá se os produtos estão, de fato, com preço reduzido e se compensa comprá-los durante a ocasião. Caso você repare alguma cobrança abusiva ou enganosa, pode acionar o Procon para que a loja em questão seja responsabilizada.

3. Cheque a procedência da oferta

Outra dica importante é verificar se o site que você está comprando é confiável. Tome cuidado com e-mails falsos, mensagens SMS com links e consulte sites como o Reclame Aqui ou Consumidor.gov para se certificar que aquela loja é segura.

É comum nesta época a prática de golpes para roubo de dados, clonagem de cartão de crédito e outros. Verifique se o site se prontifica a armazenar e manter anônimos e seguros as suas informações cadastrais, como exige a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

4. Conheça seus direitos

Antes de efetuar suas compras, verifique quais as políticas de troca e devolução da loja, sobretudo se ela for física. Para compras online, o Código do Consumidor dá o direito de arrependimento. Ou seja, você tem até 7 dias corridos para fazer a devolução do produto à loja, caso não tenha gostado ou não queira ficar com a compra, por qualquer motivo, e até 30 dias para fazer uma troca.

Leia antes as informações de “rodapé” e, caso precise fazer a devolução/troca, procure o site ou outro canal oficial da loja para consultar sobre o procedimento. Sempre que entrar em contato com o serviço de Atendimento ao Cliente das lojas, anote o número de protocolo para tomar providências jurídicas futuramente, se precisar.

5. Parcelamento também é dívida

Uma boa dica para ter mais segurança ao comprar online é utilizar o cartão de crédito. Assim, você estará assegurado pelo banco caso surja algum problema. Porém, é importante lembrar que a fatura chegará no próximo mês e você precisa ter saldo o suficiente para quitá-la. Caso contrário, serão cobrados juros altos até que você pague a fatura integralmente.

Além disso, procure se programar antes de fazer uma compra parcelada. As prestações são uma forma de dívida, que precisa ser paga ao longo dos meses. Tem interesse em comprar algo com valor mais alto na Black Friday, mas não sabe se terá condições de pagar? Veja agora se vale a pena pegar um empréstimo para pagar suas dívidas e fazer suas compras.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.